Pouco adianta saber o signo do teu amor se você não conhece a tua Vênus

Quando se fala em astrologia aplicada aos relacionamentos amorosos, a primeira pergunta costuma ser: o signo da pessoa que amo combina com o meu?

Não sugiro desprezar essa informação, porém, o dado mais relevante para ter uma vida amorosa bem-sucedida é conhecer a tua forma de amar e, principalmente, o que você espera do amor.

No mapa astral, o astro que representa esse tema é Vênus, que na mitologia greco-romana está associada à deusa do amor e da beleza. 

Como já disse um poeta, amar se aprende amando. Quem? Primeiro a si. A autoestima é a matéria-prima da qual se constrói relacionamentos equilibrados. Então, nosso primeiro caso de amor é conosco mesmo?

O símbolo de Vênus na astrologia lembra o formato de um espelho de mão, lembrando que é preciso reconhecer o amor dentro de si antes de ofertar esse presente ao outro. Evidentemente, que na espécie humana, esse amor se constrói nas relações familiares primitivas, especialmente no vínculo mãe-bebê. O primeiro espelho é a pupila da mãe, que nutre o corpo e a alma de seu rebento.

Os aspectos de Vênus com os demais astros podem indicar como foi construída a sua capacidade de amar e ser amado. Os aspectos favoráveis, indicam fluidez, mas os difíceis requerem atenção. Sim, infelizmente, alguns precisam cuidar de algumas feridas para estar apto a dar e receber amor. Não que esteja impossibilitado de fazê-lo espontaneamente, porém sem plenitude. Algo impede a fluidez da troca, travando o processo.

Para conhecer os aspectos de Vênus é preciso calcular o mapa astral, que também indicará a posição do astro por signo e casa. Surpreso? Você também “tem” um signo para Vênus! É importante conhecê-lo para desvendar o seu jeito de amar.

Então, daí sim, conhecer o signo da pessoa amada poderá ajudar a identificar pontos em comum e afinidades.

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *