Trump x Papa Francisco: desmistificando a Era de Aquário

trump-papaEste artigo não é sobre os líderes do título, mas sobre ciclos astrológicos de longo prazo denominados eras. Atualmente, é bem provável que já ingressamos na era de Aquário. Digo isso, porque não há consenso entre os estudiosos, alguns acreditam que a União Européia e a internet foram evidências do novo ciclo aquariano. A era de Peixes, que a antecedeu, correspondeu ao nascimento e desenvolvimento da civilização cristã, com duração de 2.160 anos.

É comum ouvir astrólogos tecerem glórias sobre a era de Aquário e maldizerem o obscurantismo da era de Peixes. Enquanto que a era aquariana é vista  como um período de igualdade, liberdade e fraternidade, a era pisciana parece se resumir à Idade Média e suas inquisições. Há pouco tempo atrás se admirava a superação das diferenças locais da comunidade européia, unida por uma mesma moeda, bem como se previa a decadência irremediável do catolicismo, perdido em meio a escândalos e dogmas.

Mas eis que surge um novo líder  carismático e muda tudo. Papa Francisco promove um renascer dos valores cristãos, resgatando qualidades do signo de Peixes como humildade e empatia. Um sinal que a era de Peixes ainda não findara?  Não. Netuno, regente de Peixes, se encontra neste signo, inspirando a manifestação dessa energia. No entanto, a eleição do Papa Francisco foi uma ruptura com padrões antigos: primeiro sul-americano e pertencente à congregação jesuíta. Um toque de Urano, regente de Aquário.

Além disso, o Papa Francisco tem uma rebeldia encantadora, em consonância com os ideais aquarianos*: não mora na sede oficial do Papa, prefere uma espécie de república de religiosos porque precisa da convivência; quebra o protocolo com certa regularidade; usa carros simples e anda com os vidros abertos para cumprimentar o povo; defende a ecologia e a “nossa casa comum”. Como líder, o Papa Francisco encarna ideais aquarianos, mesmo em um ambiente pisciano como o da Igreja Católica.

E o Trump? Não parece um líder que saiu diretamente do filme “Hair”** para governar os EUA. Ninguém conseguiria imaginá-lo cantando: “When the moon … The age of Aquarius
Aquarius! Aquarius!” ***

Pois é, mas não é que um narcisista ególatra foi eleito em plena era de Aquário? Os astros enlouqueceram? Não, pelo contrário. A Astrologia não combina com interpretações rasteiras, mas o fenômeno Trump é explicável. Não diria que se justifique, mas que atende clamores do inconsciente coletivo, ah.. isso atende.

O fenômeno luz e sombra é fundamental na interpretação astrológica. Os signos são eixos complementados pelo seu oposto. Sendo assim, o signo complementar ao de Aquário é Leão.

Trump é Gêmeos com Ascendente em Leão, reforçado por um Marte em conjunção exata. Falante, agressivo, narcisista e ególatra, encarna o aspecto negativo do leonino com seu topete avermelhado que mais parece uma juba desfigurada.

Enquanto os Estados Unidos viveu uma era governada pelo partido Democrata, exaltando os direitos humanos e o politicamente correto, uma sombra leonina se formava no inconsciente da Nação. Uma sombra xenófoba, separatista e individualista. Como pensar no bem do outro se o cidadão comum americano sente seus privilégios  ameaçados? Vai faltar pão na minha mesa para que todos possam comer? Eu quero garantir o meu quinhão e o mundo que se… exploda?

Não, não creio que o mundo vá explodir. Outras forças, inclusive a de Netuno em Peixes, compensarão o excesso de egolatria. Assim como os ingleses, após referendarem sua saída da União Européia se questionaram sobre sua escolha, buscando alternativas menos radicais, acredito que na prática as promessas eleitorais de Trump não serão cumpridas. E ele, como bom geminiano,  saberá lidar muito bem com isso.

Então, desmistificando a tão esperada era de Aquário, poderemos ter outros Trumps para lidar. Como evitar isso? Equilíbrio. Provavelmente os ideais aquarianos durante o governo democrata foram vividos de forma superficial, mais um discurso do que prática.

Posso contribuir de alguma forma para evitar isso? Sim, todos podemos. O mal que existe no mundo é a soma do mal que existe em todos nós ****. Integrar a sua sombra individualmente é uma forma de contribuir para promover a paz mundial.

 

 

*O Papa Francisco é Sagitário, Ascendente em Câncer e Lua em Aquário.

** Hair é um musical encenado na Brodway em 1968 e depois adptado para o cinema, cuja narrativa aborda a contracultura hippie e o movimento pacifista anti-guerra.

*** A canção tema de Hair faz alusão à Astrologia e ao início da era de Aquário. Veja e ouça aqui: https://www.youtube.com/watch?v=N9oq_IskRIg

The Age of Aquarius
When the moon is in the Seventh House
And Jupiter aligns with Mars
Then peace will guide the planets
And love will steer the stars
This is the dawning of the age of Aquarius
The age of Aquarius
Aquarius!
Aquarius!
Harmony and understanding
Sympathy and trust abounding
No more falsehoods or derisions
Golden living dreams of visions
Mystic crystal revelation
And the mind’s true liberation
Aquarius!
Aquarius!

**** Pierrakos, E. & Thesenga, D. Não Temas o Mal. São Paulo: Cultrix, 2005.

Compartilhe
Categoria:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *